Estúdio de Pilates: como saber qual escolher?

Como escolher um estúdio de Pilates?

O Pilates é uma disciplina de movimento que atrai cada vez mais alunos. Mas, para quem não está por dentro deste método e das suas especificidades, pode não ser fácil escolher um bom estúdio de Pilates. Existem muitos elementos a ter em conta antes de tomar uma decisão que passam pela formação dos professores, o equipamento utilizado e os procedimentos obrigatórios que um estúdio de Pilates de nível internacional deve cumprir.


O que ter em conta quando se escolhe um estúdio de Pilates para praticar?

Vamos dar-lhe algumas dicas úteis para o orientar na hora de escolher o seu estúdio de Pilates.

Saber o que se procura

Em primeiro lugar deve procurar um estúdio de Pilates e não um ginásio de Pilates. Tradicionalmente os locais onde se pratica Pilates são conhecidos como estúdios e não como ginásios. A origem desta tradição remonta ao primeiro espaço inaugurado por Joseph Pilates ao qual chamou de ”Pilates Studio”.

Formação dos professores de Pilates

É muito importante que a equipa de professores que trabalham no estúdio de Pilates seja composta por profissionais competentes  que o possam ajudar a alcançar os objectivos traçados  através da prática de Pilates.

Sabe reconhecer um bom professor de Pilates? Esteja atento a 4 requisitos:

  1. Formação (superior a 600 horas) em todas as peças de equipamento de Pilates e repertório de matwork o que proporcionará ao aluno uma experiência bastante abrangente da variedade e riqueza do método Pilates.
  2. Formação contínua: todos os professores de Pilates a trabalhar em Portugal devem possuir o Título Profissional de Técnico de Exercício Físico (TPTEF) atribuído pelo Instituto Português do Desporto e Juventude. Este título é actualizado de 5 em 5 anos mediante a realização de formação contínua credenciada e que perfaça um mínimo de 25 horas.
  3. Experiência profissional com diferentes populações: atletas, grávidas, seniores, indivíduos com patologias diversas… e domínio das suas especificidades.
  4. Experiência noutras áreas de movimento: dança, yoga, atletismo, artes marciais…

Qualidade do ensino

Num estúdio de Pilates, é preciso ter em conta a dedicação dos professores aos seus alunos e a atenção que lhes podem dispensar. Quando vai à procura de um estúdio de pilates informe-se sobre o rácio professor/aluno. A PMA® – associação que reúne professores de Pilates de todo o mundo (da qual já falamos noutro artigo – clique aqui) define que numa aula de Mat poderão estar no máximo 10 alunos e numa aula de estúdio com equipamentos no máximo 5 alunos para cada professor. Se as aulas forem personalizadas notará resultados mais rapidamente, uma vez que o professor escolherá os exercícios mais adequados para si em cada dia e ajudá-lo-á a progredir dentro do método Pilates.

Equipamento de Pilates

Muitos dos exercícios realizados no estúdio de Pilates recorrem a diferentes equipamentos. Um verdadeiro estúdio de Pilates que cumpra os standards internacionais deve ter à disposição todas as peças desenhadas por Joseph Pilates também conhecidas como  grande equipamento: Cadillac ou Trapeze Table, Reformer, Chair, Ladder Barrel, Spine Corrector e uma panóplia de peças de pequeno equipamento como bolas, alteres, barras…
A qualidade e o grau de conservação do equipamento são dois aspectos fundamentais para a segurança, tanto do aluno como do professor e, portanto determinantes para o  sucesso e longevidade de um estúdio de Pilates. As molas devem ser inspecionadas diariamente para confirmar a sua fiabilidade e imediatamente substituídas sempre que necessário; as cordas do reformer não podem apresentar sinais de desgaste, tal como as pegas e as alças.

Procedimentos

Um estúdio de pilates deve cumprir um conjunto de procedimentos que garantam, nomeadamente, a qualidade das aulas, a segurança dos alunos e o profissionalismo dos professores. Os pontos a respeitar para uma boa conduta dos professores de Pilates estão presentes no código de ética da PMA®  e são directrizes claras sobre como o professor deve reger a sua prática.

  • Procedimentos de recepção e acolhimento de novos alunos: antes de iniciar as aulas deverá estar a par das condições a respeitar para frequentar o estúdio de Pilates (regulamento, horários, preçário…); na primeira aula deve ser-lhe feita uma avaliação na qual será definido um perfil da sua condição física por forma a aconselhá-lo convenientemente sobre o tipo de aula mais indicado para si: privada, personalizada ou em grupo.
  • As informações pessoais que partilhará com o seu professor são privadas e portanto, para que a sua confidencialidade seja respeitada, a informação que circula dentro da equipa de professores (nas reuniões, sessões de esclarecimento, pesquisa conjunta) deve ser tratada com todo o profissionalismo.
  • O âmbito de trabalho e a esfera de actuação do professor num estúdio de Pilates devem estar bem definidos e ser sempre respeitados. É da obrigação do professor reencaminhá-lo para outro profissional, nomeadamente de outros ramos da sáude, sempre que considerar adequado.

Andy Murray, no top ranking mundial  não dispensava o Pilates e contou com a preciosa ajuda de uma professora para o acompanhar depois de uma cirurgia. O próprio Murray é o primeiro a reconhecer que as aulas foram fundamentais para ele e para a qualidade que demonstra em campo.

Para saber mais sobre a ligação entre o Pilates e o ténis consulte o interessante trabalho desenvolvido por Alexandra Prigent para a Pilates Foundation: Pilates and Tennis Performance – How Pilates can enhance the forehand, backhand, serves and overheads in tennis game.

Legislação

  • Por forma a garantir a sua segurança, a dos outros alunos e também dos professores, um estúdio de pilates tem de cumprir de forma escrupulosa a legislação do sector.  Chamamos a sua atenção para pontos essenciais a ter em conta quando visitar um estúdio de Pilates:
  • Director técnico
  • Seguros de responsabilidade civil
  • Seguros de acridentes pessoais (para os alunos)
  • Seguros de Acidentes de Trabalho (para os professores)
  • Preçário e Regulamento interno visíveis
  • Manual de Operações
  • Licença Passmúsica
  • Livro de Reclamações
  • Vestiários diferenciados por género

Muitas vezes,  o valor das aulas é o único elemento que se tem em linha de conta quando se procura um estúdio de Pilates. Contudo, para tomar uma decisão ponderada sobre qual o estúdio de Pilates a eleger para praticar, não deve considerar apenas um factor. Se o fizer corre o risco de dar preferência a um estúdio que não cumpre todos os requisitos e que não tem profissionais preparados para lhe desvendar as maravilhas que a prática regular de Pilates pode fazer por si!

Para mais informações sobre o Estúdio de Pilates contacte-nos.

TEMAS RELACIONADOS

Bom professor de Pilates

Como reconhecer um bom professor de Pilates através do uso que ele faz da correcção? Aquele professor que quer mostrar tudo o que sabe cada vez

Aulas de Pilates

As 4 coisas que não deve fazer nas aulas de Pilates O Estúdio Pilates Filipa Mayer celebra este ano o seu vigésimo aniversário. Foram 20 anos

TEMAS RELACIONADOS

Bom professor de Pilates

Como reconhecer um bom professor de Pilates através do uso que ele faz da correcção? Aquele professor que quer mostrar tudo o que sabe cada vez

Aulas de Pilates

As 4 coisas que não deve fazer nas aulas de Pilates O Estúdio Pilates Filipa Mayer celebra este ano o seu vigésimo aniversário. Foram 20 anos